Cinema alemão no Brasil nos anos 1920 e 1930: percursos de uma política cultural exterior

Flaviano Bugatti Isolan

Resumen


O presente artigo tem por objetivo analisar como foi o percurso da política cultural alemã em relação ao cinema no Brasil –que teve seu início na década de 1920 e acabou sendo interrompida nos anos inicias da II Guerra–, relacionando os desdobramentos das relações políticas e diplomáticas do período e a atuação dos agentes dessa política cultural, como a Ufa (Universum Film AG) e órgãos oficiais alemães

Palabras clave


Política cultural exterior; Cinema alemão; Brasil; Alemanha; Século XX

Texto completo:

PDF (Português (Portugal))


DOI: http://dx.doi.org/10.18441/ibam.18.2018.69.175-206

Enlaces refback

  • No hay ningún enlace refback.


IBEROAMERICANA. América Latina - España - Portugal

ISSN (print): 1577-3388
ISSN (online): 2255-520X
DOI: 10.18441/ibam

URL: http://journals.iai.spk-berlin.de/index.php/iberoamericana/index

Contacto: iberoamericana@iai.spk-berlin.de

Esta obra está bajo la licencia de Creative Commons Reconocimiento-NoComercial-SinObraDerivada 3.0 Alemania.

© 2014 | IAI SPK
Ibero-Amerikanisches Institut PK