Etnografia e ficção nos relatos de viagens para a América do Sul publicados na revista Globus (1862- 1910)

Elena Welper

Resumen


A revista Globus foi criada no contexto de fundação institucional da etnologia alemã (Völkerkunde) com o objetivo de divulgar estudos etnográficos e relatos de viagens de toda a parte do mundo. Considerando o pioneirismo das expedições alemães no Brasil, e a importância que elas tiveram no desenvolvimento da etnologia brasileira, este trabalho explora um pouco do conteúdo sul-americano da revista, atentando especialmente para o diálogo entre os ‘homens da ciência’ e os ‘viajantes’ (imigrantes, colonos, comerciantes).

Palabras clave


revista Globus; literatura de viagem; etnografia alemã; coleções etnográficas; Brasil; séculos XIX-XX

Texto completo:

PDF (Português (Portugal))


DOI: http://dx.doi.org/10.18441/ind.v35i1.191-204

Enlaces refback

  • No hay ningún enlace refback.



 

Licencia Creative Commons
Esta obra está bajo una Licencia Creative Commons Atribución-NoComercial-SinDerivar 4.0 Internacional.

© 2017 | IAI SPK

Ibero-Amerikanisches Institut PK